Arrependimento - O que é Arrependimento?

No grego, a língua original em que foi escrita, a palavra arrependimento é a palavra “metanóia”, que significa mudança de mente, mudança de atitude interior. Que mudança é essa? É a troca de uma atitude de independência para uma atitude de dependência, da atitude de rebelião (faço o que eu quero) para a atitude de submissão (pertenço a Deus para fazer a sua vontade). Arrependimento é mudança de atitude interior: deixar de ser independente para ser dependente de Deus. Atitude Antiga Atitude Nova Rebelião Submissão Faço o que me dá na cabeça Estou sujeito a Cristo em tudo Independência Dependência Quando mudamos a nossa atitude para com Deu

Arrependimento - Os três tipos de homes

Podemos observar que hoje há no mundo três tipos de homem. O primeiro não quer saber de Deus. O segundo está muito interessado em Deus. O terceiro vive para Deus. São eles: O incrédulo: Não quer dizer necessariamente ateu. É alguém que não tem interesse em Deus. Qual é o seu problema? Ele governa a sua vida. Controla todas as áreas de sua vida conforme a sua vontade e para seu próprio prazer. Tem o EU no centro de sua vida. Ele vive para si mesmo. O religioso: É muito diferente do incrédulo. Acredita em Deus, lê a Bíblia, ora, canta, vai a reuniões, chama Jesus de Senhor, etc. Mas qual é o seu problema? O mesmo do incrédulo. Tem o EU no centro. Vive para si mesmo. Deus existe para abençoá-lo

Arrependimento - O que é necessário?

O que é necessário para mudar de atitude? Toda a pregação de Jesus estava impregnada da mensagem do arrependimento. Jesus não pregava um evangelho “fofinho”, um evangelho de ofertas, mas pregava um evangelho contundente e extremamente exigente. “Então, convocando a multidão e juntamente os seus discípulos, disse-lhes: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me. Quem quiser, pois, salvar a sua vida perdê-la-á; e quem perder a vida por causa de mim e do evangelho salva-la-á. Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?” Mc 8.34-36 “Assim, pois, todo aquele que dentre vós não renuncia a tudo quanto tem não pode ser meu discípulo.” Lc 14.33

Arrependimento - O problema do homem

É muito importante entendermos bem o que é arrependimento. Nós estamos rodeados de conceitos do mundo e de conceitos religiosos que não definem exatamente nosso problema com Deus. Ora, se não entendermos bem qual é o problema, como poderemos saber qual é a solução? Todos, ao ouvir o evangelho, precisam ter esse entendimento. Qual é o problema principal do homem? Para poder compreender, devemos analisar como tudo começou, como foi a queda do homem (Gn 3.1-7). Aqui, nós temos a descrição da entrada do pecado no mundo. Geralmente é dito que o pecado de Adão foi a desobediência, mas isso não define exatamente o problema. Na verdade a desobediência já é um fruto do pecado, é uma consequência do p

A PORTA - Como se tornar um discípulo

Chamamos de A PORTA às três realidades distintas que devem ser experimentadas por um discípulo, logo no início de sua vida com Cristo. Elas foram apresentadas, pela primeira vez, por Pedro, para a multidão que o ouvia falar a respeito da vida, milagres, morte, ressurreição e exaltação de Jesus. “Ouvindo eles estas coisas, compungiu- se- lhes o coração e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, irmãos? Respondeu- lhes Pedro:Arrependei- vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo.” Atos 2.37-38. Eles perguntaram a Pedro o que fazer. E ele lhes declarou os três passos que precisavam dar: O Arr

Destaque
Recentes
Arquivos
Siga-nos:
  • Wix Facebook page
  • SoundCloud App Icon
  • YouTube Classic
  • Wix Twitter page
  • issuu.png
  • google_play_icon___logo_by_chrisbanks2-d4s1i75.png
  • Apple-App-Store-icon

© 2014 - Fazendo Discípulos / Todos os Direitos Reservados